Início » Todos os posts » Dicas de Relacionamento » Erros que cometemos no final de um relacionamento

Erros que cometemos no final de um relacionamento

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Se começar um novo amor é estimulante, dá aquele brilho no olhar e as famosas “borboletas no estômago”, sair dele costuma deixar os sentimentos e a cabeça confusos. Não é raro encontrar quem não aceite o fim ou, ainda, quem vá rápido demais em busca de outro.

erros-que-cometemos-no-final-de-um-relacionamento

Conheça os erros comuns que cometemos no final de um relacionamento:

Achar que o mundo desabou, e a vida já era…

Depender de outra pessoa para ser feliz é, no mínimo, complexo. Para não dizer complicado… Mas o fato é que muita gente pensa que o final de uma relação tira o sentido da vida, que não vai ser possível seguir sem a pessoa amada.

Porém, embora no primeiro momento possa ser realmente difícil (mais para uns, menos para outros), uma hora a nova rotina engrena e pahhh! Tudo entra nos trilhos outra vez. Afinal, a gente não pode viver sem oxigênio. Quando ao resto, dá-se um jeito. Sempre.

Não aceitar que acabou

Outro erro é não aceitar um não como resposta e se humilhar diante do ex-parceiro – ou parceira. Prometer até mesmo o que não pode cumprir ou abrir mão do amor próprio para ter o antigo relacionamento de volta, com certeza, não é a melhor saída.

Alimentar a esperança que a pessoa vai voltar

Ficar parado no tempo, esperando que o outro reate o namoro ou casamento só dificulta ainda mais a virada de página. Se a decisão já foi tomada, raramente a pessoa volta atrás. Siga em frente!

Procurar um culpado

Geralmente, não se chega a conclusão nenhuma. Procurar um responsável pelo término só machuca, é praticamente ficar cutucando a ferida – que uma hora vai sarar se você der a ela o tempo necessário.

Colocar um ponto final no que parecia perfeito e garantido é duro. Se a gente tivesse que escolher, não passaria por situação assim nunca. Mas pense: se não era para ser, melhor descobrir logo e tocar a vida, concorda?

Engatar logo outra relação, real ou virtual

Enquanto uns negam, outros aceitam o fim logo de cara – e já partem para a busca desenfreada por um novo amor. Porém, fazer isso para esquecer a outra pessoa não é o mais recomendado pelos especialistas. Por dois motivos principais: não esquecemos o ex; e engamos a nós mesmos.

Sem contar no perigo que o mundo virtual pode oferecer, pois é comum encontrar por lá gente disposta a criar personagens desastrosos apenas para fisgar um coração. E se ele estiver carente, confuso e/ou apressado, poderá confundir as coisas e não enxergar a realidade como é.

Relacionamentos virtuais necessitam de cuidado redobrado.

Bloquear-se afetivamente

O contrário de voltar ao mundo dos solteiros rapidinho é o bloqueio para novos afetos. Algo comum entre as pessoas que passam muito tempo “presas” a um relacionamento. E que depende de fatores como a idade do casal, o motivo da separação e como acabou o namoro ou casamento.

Conclusão…

Ninguém pode obrigar ninguém a ficar em uma relação. Se ainda há interesse mútuo e disposição para melhorar pontos ruins, até vale a pena dar uma chance. Mas se o outro quer ir, de que adianta recorrer a estratégias que acabam prolongando o sofrimento?

Erros comuns que cometemos no final de um relacionamento envolvem, principalmente, prejuízos à autoestima. Gostar de si próprio é um dos pilares de qualquer relacionamento. E, acredite, evita muita dor de cabeça…

Pense, e até a próxima!


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Fazer comentário

Clique aqui para postar um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

História de amor

Acompanhe nossas dicas!