Início » Todos os posts » Sexualidade » Engolir esperma faz mal? Saiba tudo aqui

Engolir esperma faz mal? Saiba tudo aqui

Compartilhe!
  • 7
  •  
  •  
  •  
  •  
    7
    Shares

Existem diversos mitos, dúvidas e controvérsias a respeito da ingestão do esperma masculino. E hoje vou tentar esclarecer alguns pontos em relação ao tema. Para começar, vamos entender melhor o que é o esperma…

Basicamente, na escola a gente aprende que espermatozoides são as células reprodutivas masculinas e que possuem cabeça e cauda. Os tais gametas são disponibilizados na secreção chamada esperma.

Esperma ou sêmen é um fluído produzido pelos machos de várias espécies. A substância orgânica contém de 60 a 300 milhões de espermatozoides e outras secreções.

Foto: Pixabay/CCBY
Foto: Pixabay/CCBY

O que dizem por aí…

Um estudo feito pela The State University of New York, nos Estados Unidos, e reproduzido no site do jornal Daily Mail afirma que engolir esperma, ou seja, o famoso sexo oral com ejaculação, deixa a mulher mais feliz, além de fazer bem para a sua saúde.

A explicação, de acordo com os pesquisadores, estaria nas substâncias químicas encontradas no esperma (estrona, oxitocina e cortisol), que seriam benéficas ao corpo feminino.

A tese é polêmica, embora tenha embasamento científico, sendo resultado de entrevista com 293 mulheres que praticam sexo oral nos parceiros assídua ou eventualmente.

Por outro lado, profissionais da área médica alertam sobre o “consumo” de esperma quando existe lesão na boca. Isto é, feridas na região favorecem a transmissão de doenças.

No caso do vírus HIV, por exemplo, tanto a secreção vaginal quanto o líquido seminal que sai do pênis antes da ejaculação já contêm o vírus. Com a ejaculação, a situação de risco é potencializada.

Em tese, não haveria problema em engolir o esperma do parceiro, pois hoje sabemos que o vírus da Aids não consegue sobreviver ao entrar em contato com o suco gástrico encontrado na primeira porção do estômago.

Portanto, é mito afirmar que engolir esperma faz mal, exceto se o homem tem alguma doença. O fluido em si não prejudica a saúde de quem o ingere, mas é importante lembrar que o sexo oral é capaz de transmitir enfermidades, entre elas HPV, HIV, Sífilis e Gonorreia.

Lembrando que isso pode, inclusive, trazer outras consequências, como o câncer no colo do útero, da garganta e da faringe.

Saiba mais sobre o ato de engolir esperma

O fato é que, quando ingerido, o esperma irrita a garganta, pois é um produto orgânico com aderência devido à sua composição proteica.

A função do sêmen masculino é justamente grudar na parede do canal vaginal e do útero, evitando desperdício das células reprodutivas do homem.

Quando se acomoda na garganta, em vez do sistema reprodutor, o esperma provoca irritação. E tem odores que só conhecemos quando iniciamos a vida sexual, motivos suficientes para algumas mulheres não conseguirem satisfazer seus parceiros no sentido de engolir o sêmen dele.

O esperma do homem pode causar irritação na pele, vômito, diarreia e várias reações alérgicas na parceira. Embora pouco frequente, a alergia ao sêmen existe e é bastante desconfortável.

Entre os sintomas estão a coceira nos genitais, ardores, sensação de queimação nas zonas sexuais e inflamação. Eles aparecem logo depois da relação sexual sem uso de preservativo, quando há contato com o esperma.

Mas, além dos sintomas característicos e externos que ficam visíveis na vagina, também podem ocorrer reações nas regiões anal e oral.

Em casos graves, surgem vômitos, urticárias, dores abdominais e dificuldade para respirar.

O problema é que é difícil de identificar a alergia ao sêmen, que é geralmente confundida com infecções por fungos ou bactérias.

É comum associar uma alergia ao esperma à infecções como a candidíase, por exemplo, pois os sintomas são parecidos.

Espero que o artigo de hoje ajude você a tirar suas dúvidas sobre se faz mal ou não engolir esperma. Mas, não deixe de consultar seu médico. Ele é o melhor aliado da sua saúde.

Cuide-se e até breve!


Compartilhe!
  • 7
  •  
  •  
  •  
  •  
    7
    Shares

Fazer comentário

Clique aqui para postar um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

História de amor

Acompanhe nossas dicas!