Início » Dicas de Relacionamento » Como se livrar de um homem grudento

Como se livrar de um homem grudento

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

A gente bem que torce – e faz de tudo – para achar a alma gêmea. Ok, nem sempre funciona… E quando você encontra o boy que não é a tampa da sua panela, mas ele não larga do seu pé?

Hoje, vou mostrar como se livrar de um homem grudento.

namorado grudento

Conheça o “Manual Básico para Fugir de um Mala sem alça”:

1. Não banque a desentendida – isso só costuma piorar as coisas, pois o homem interpreta seus rodeios como indecisão. É como se você não soubesse o que quer, e ele, é claro, continuará por perto para tentar convencê-la. Ou seja, continuará investindo em você.

2. Fugir ou ser amável demais também não é aconselhável. A dica é ser direta, honesta e categórica. Diga ao gato que não quer envolvimento ou que, simplesmente, não está interessada nele, que prefere ser apenas amiga.

3. Quando nem amizade vale a pena… É, existem homens tão inconvenientes que é praticamente impossível manter a amizade. Se você sentiu que está passando por isso, amiga, não caia na tentação de fazer a política da boa vizinhança.

Às vezes, o desagradável só quer uma desculpa para permanecer por perto importunando você cada vez mais. Então, mantenha a firmeza na sua decisão e, se o grudento finalmente se afastar, não sinta pena, não permita que ele se aproxime novamente.

4. Diga a ele que as lembrancinhas incomodam – se o boy é do tipo que adora trazer presentes, lembre-se que não é obrigada a aceitar. Explique que entende a gentileza, mas fica constrangida.

Não deixe margem para dúvidas sobre seus sentimentos. Caso já tenha recebido algum mimo, diga que é grata, mas que não pode mais continuar recebendo presentes ou mensagens; que não pode retribuir isso e que não está disponível para ele.

5. Tenha uma conversa mais firme – com os mais inconvenientes, só mesmo um diálogo mais contundente pode resolver a situação.

Por isso, se o primeiro bate-papo não surtir efeito e ele continuar na sua cola, indo a festas dos seus amigos sem convite ou vasculhando sua vida pessoal, não hesite: coloque os pingos nos is de uma vez por todas.

Por exemplo: pergunte ao grudento que tipo de sentimento ele espera que você tenha por ele enquanto ele age daquela maneira. E por aí vai…

E se ele fizer juras de amor enquanto você só quer curtir o momento?

De repente, você conhece um carinha; trocam ideias e até uns beijinhos no final. Até aí, normal, acontece… Quem nunca?! O problema é que, um tempo depois, você descobre que o sujeito acabou se apaixonando e jura que não vai desistir de conquistar seu coração.

Porém, vamos dizer que não é o “seu momento” de cair de amores, muito menos por alguém que nem conhece você direito e já cismou que é sua cara-metade. Aff…

Percebeu que o boy é um chato de galocha, e que não sai do seu pé por nada nesse mundo? Esqueça a gentileza, a simpatia; não prolongue a conversa – a não ser que seja para dizer a ele que não está gostando dela.

Você é irreverente? E adora se divertir com as situações? Minha última dica é tentar jogar por terra a imagem de diva que ele criou a seu respeito. Lembre-se que o tipo grudento costuma idolatrar suas paixões, considerando-as perfeitas.

Então, aproveite a conversa com o “encosto amoroso” e enfie um dedo no nariz, cutucando-o tranquilamente enquanto o rapaz diz pela milionésima vez que nunca ninguém mexeu tanto com ele, blablablá…

Para completar a cena grotesca, limpe o dedo na sua roupa ou, se for ousada o suficiente, na dele. Mas não se esqueça de pedir desculpas, ok?

Parece meio pesado, mas, aqui entre nós, alguns meninos grudentos bem que merecem um tratamento de choque, não é mesmo?

Boa sorte, e até a próxima!


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
História de amor

Acompanhe nossas dicas!